sábado, 15 de novembro de 2014

Textual description of firstImageUrl

DICAS PARA A BLACK FRIDAY

Este é um tópico fora da curva, mas como o evento da Black Friday está intimamente ligado com pontos, seja pelo gasto no cartão de crédito, ou pela passagem aérea, vale a pena disseminar algumas dicas que podem ser do interesse de vocês. Primeiro, muitos viajam somente para Orlando e Nova York pensando que o evento somente ocorre lá, quando na verdade acontece em todo os Estados Unidos, inclusive no Havaí. E na verdade, tanto Orlando como Nova York são os piores lugares para participar da Black Friday, devido ao grande número de pessoas, e principalmente brasileiros enlouquecidos. Com isso compilamos uma série de dicas numeradas abaixo de forma a ajudar você se sair melhor nesse evento que tem repercussão midiática internacional, bem como corrigir algumas inverdades publicadas por outros veículos de comunicação, a saber:

1 - Os melhores lugares para se participar do evento são aqueles que tem menos gente, maior seleção de produtos, e pouca ou nenhuma taxa de venda (Sales Tax). Ex.: Texas, Delaware, New Hampshire, Alaska, etc.;

2 - Algumas rede iniciam a Black Friday antes da Sexta Feira propriamente dita, como é o caso da Best Buy que já está com ofertas selecionadas. Por um exemplo, se você comprar um Ipad Air 2 hoje terá 100 dólares de desconto, o qual não será oferecido no dia da Black Friday;

3 - As maiores redes também não abrem as portas à meia noite, e sim bem antes, por volta das 17h ou 18h, como é o caso da Toys R Us, Best Buy, Home Depot, Walmart, Macys, etc.;

4 - Alguns tipos de cartão de crédito oferecem seguros contra Perda ou Roubo de mercadorias, logo prefira usar esse tipo de pagamento ao invés de dinheiro se for o caso;

5 - Não pense em comprar coisas desnecessárias somente em virtude do preço, pois a maioria dos produtos comercializados na Black Friday são vendas finais, e não podem ser devolvidos;

6 - Iphones novos, no caso o 6 e 6 PLUS, não entram na Black Friday;

7 - Tenha muita atenção ao trânsito, pois o mesmo fica "corrido" com a pressa alheia em querer cobrir o maior número de lojas possíveis;

8 - Muitas lojas já anunciam em seus sites os folhetos do dia do evento, e não se engane, nada irá abaixar daquele preço, logo se não for do seu interesse nem perca tempo;

9 - Os vôos para os EUA já estão lotados a partir do dia 20 e seguem assim até a véspera da Black Friday dia 28 de Novembro, logo, tente não perder seu vôo, pois pode ser difícil encontrar outra vaga antes desse dia;

10 - Lembre-se dos limites impostos pela Alfândega brasileira, que infelizmente está defasada, e os fiscais estão igual a lobo mal querendo saber o que você fez na Black Friday, então não esqueça que você pode trazer somente 500 dólares, além de 1 relógio, 1 celular, e itens de uso pessoal. É importante frisar que roupas com etiquetas entram na cota, pois não são considerados bens de uso pessoal, logo retire todas as etiquetas de suas roupas. E também o fiscal encara roupas de tamanhos diferentes como suposição para revenda, logo como diz a lei, a presunção dele é legal, você pode ter prejuízos se for trazer algo para alguém que afete sua cota. 




Bom, basicamente é isso. Espero que essas dicas possam iluminar o caminho de cada um, bem como proporcionar um evento emocionante (Sempre é) e inesquecível. É muito legal ver o povo nas ruas entre meia noite e 6 da manhã como se aquilo fosse uma grande festa, e não deixa de ser na verdade. Os shoppings lotados, e muitos vão somente para observar da praça de alimentação. Boa Sorte e Boa Viagem!

*Fotos retiradas do site da ABC News.

Nenhum comentário:

Postar um comentário