quarta-feira, 21 de outubro de 2015

Textual description of firstImageUrl

IMPERDÍVEL! GUERRA DE HOTÉIS: BOOKING X IHG X FAIRMONT


Depois de a Booking anunciar até 50% de desconto, a IHG anunciar até 35% de desconto, agora a Rede Fairmont acabou de anunciar até 40% de desconto em alguns dos seus hotéis, inclusive o Plaza de Nova York que foi cenário do filma "Esqueceram de Mim 2". Se eu posso escolhere entre as três não tenho dúvidas que corro para a Rede Fairmont, primeiro pelo luxo inigualável com menu de travesseiros, serviço turn down padrão, sofisticação, e uma qualidade impecável. Em segundo pelo tratamento imbatível que deixa qualquer concorrente no chinelo. Não consigo ficar chateado, irritado ou triste quando fico hospedado na Rede Fairmont, pois é um tratamento que chega a ser fora do comum tamanha a simpatia, educação, e atenciosidade. 

Vocês me conhecem e sabem que tento escrever da forma mais impessoal possível com o objetivo puro de informar, mas preciso compartilhar essa história para que vocês tenham noção de como é o tratamento no Fairmont. Minha última estadia na Rede foi na propriedade de Whistler o Chateau Fairmont Whistler, e estava sozinho, e como tinha 100 dólares de crédito para gastar com comida em função do Programa de Fidelidade deles, o President Club, resolvi jantar no restaurante do hotel, o Wild Flower. 


Chegando lá, o recepcionista me pediu para aguardar 5 minutos, porém em 2 minutos me sentou à mesa. Logo em seguida veio a primeira garçonete, se apresentou já me chamando pelo nome. Sugeriu os pratos e ficou a minha disposição. Já estava meio sem graça, pois parecia um jantar diplomático e eu sozinho. Ela me recomendou o Steak Tartar de entrada e anotou meu pedido. Em menos de 2 minutos, ela voltou e perguntou se eu gostaria que ela ficasse me fazendo companhia por estar sozinho, e então eu disse que não havia necessidade pois estava lendo as notícias no celular. Então jantei normalmente, e no momento de pagar ela trouxe a conta e deu exatamente 88 dólares, porém sem os 18% de gorgeta, e como fui super bem atendido pedi a inclusão, e coloquei o voucher e uma nota 10 dólares canadenses. Fiquei esperando ela trazer a autorização do voucher para eu assinar. Então ela vem e pega a nota de 10 dólares e coloca no bolso da minha camisa, e logo em seguida faz uma rápida massagem nos meus ombros dizendo para eu utilizar aqueles 10 dólares para comprar uma lembrança para minha sobrinha, e em seguida antes que eu pudesse falar disse que foi um prazer me atender e que a equipe me desejava uma excelente noite. 


Pois bem, depois disso, quase pedi para lavar um prato de tão sem graça que fiquei, e quando me levantei, nada menos que o gerente geral do restaurante que pertence ao Fairmont veio para me acompanhar até a porta me perguntando se fui bem atendido, e me deu o cartão dele se colocando a disposição para reservas futuras e demais solicitações. Disse que se por acaso eu não estivesse satisfeito com alguma coisa para falar diretamente com ele, pois em virtude de eu estar sozinho a maior parte do tempo e de o serviço ter sido rápido em termos, ele achou que recebi o padrão de tratamento mínimo Fairmont, e que na visão dele poderia ter sido muito melhor. Foi quando eu o interrompi e agradeci a atenção, e que não esperava para voltar lá de novo, e pensei silenciosamente comigo mesmo que se esse homem for trabalhar no Brasil ele vai ter um ataque do coração.

Então foi isso, esse foi um jantar que ficou marcado na minha vida, e olha que não estou exagerando. Foi um jantar caro, que acabei indo mais devido ao voucher, e que posso dizer que valeu cada centavo. Depois desse serviço nunca tive uma experiência próxima, e se aquele era o padrão mínimo Fairmont imaginem o médio, e o máximo. É uma coisa de outro mundo. E é preciso tomar cuidado, pois o check-out do hotel é passível de depressão profunda. Dei o exemplo do restaurante do hotel, mas todo o staff é nesse nível. Você não observa ninguém de cara feia, falando alto, ou que não esteja sorrindo. No Pacific Rim de Vancouver, quando eu entro, mesmo que não esteja hospedado, já sou bem recebido pelo nome, inclusive da última vez que estive lá o gerente de serviços VIP fez questão de me convidar para o coquetel da premiere da quarta temporada de Game of Thrones, que foi onde eu conheci a Sophie e a Maisie. 


Acabei me alongando demais, mas não tinha como, precisava compartilhar um pouco da experiência de se hospedar em um hotel da Rede Fairmont. Alguns são caros sim, mas vale muito a pena, e lembro para que você não tome susto caso vá para o Canadá, pois os valores são em dólares canadenses, o que acaba sendo mais barato. Eu não resisti e já fiz 3 reservas para o Canadá, pois essa promoção vai até dia 10 de Dezembro de 2015 para estadias até dia 31 de Maio de 2016. Note que você ainda recebe milhas pela sua estadia, e pode escolher o programa de milhagem, pois a rede tem parceria com quase todos os programas. Abaixo coloquei os links da Guerra dos Hotéis com as três promoções vigentes. Escolha a que for a melhor para você, e caso opte pela Rede Fairmont, não se esqueça de se inscrever no Programa de Fidelidade deles, o President Club, que ainda você receberá um upgrade de quarto gratuito no momento do check-in em virtude dessa mesma promoção. Boa Viagem!




*Imagem de uso exclusivo do Blog. Todos os direitos reservados.

Nenhum comentário:

Postar um comentário