terça-feira, 16 de agosto de 2016

Textual description of firstImageUrl

MAIS SINAIS

Hoje foi mais um dia interessante na briga das 3 grandes americanas pelo pódio. A Delta anunciou a remodelação de sua classe executiva, a Delta One, que será a primeira das americanas a oferecer uma suite fechada para o passageiro em classe executiva, e não fará aumento de tarifas, e nem alterará o programa para dificultar o acesso aos prêmios, que foi uma espetada de leve na American. Com isso e a nova classe executiva da United chamada Polaris, a American de primeiro foi ao último lugar no quesito conforto a bordo, pois os produtos da suas rivais será infinitamente superior ao seu, sem contar no customer service das "inimigas" que também é infinitamente melhor do que o da AA. Veja abaixo algumas fotos divulgada pela Delta de como será a nova Delta One, que entrará em operação já no próximo ano.





Além disso, saiu hoje o resultado da US News and World Best Travel Rewards Program, edição 2016-2017, onde o AAdvantage ficou na sétima posição, sendo que no ano passado foi vice-campeão. Cabe destacar que o programa da American ficou atrás da Delta, e da United. Então, com esses dados em mãos notamos uma corrida para o fundo do poço pela American Airlines. É incompreensível como a administração daquela que já foi uma excelente empresa está detonando a mesma, e acredita que tudo irá dar certo, e se der eu vou ter que rever todos os meus conceitos de administração, porque não consigo entender como uma empresa que se ajusta para oferecer menos coisas, a preços mais altos, e com um péssimo serviço ao consumidor poderá lucrar de forma expressiva, como ocorria antes das mudanças, em que tudo estava muito melhor. 



Então o que vemos é a American atrás até mesmo de cias aéras low cost nos EUA. Por exemplo, hoje em dia é muito melhor comprar uma passagem da JetBlue na classe Mint para fazer JFK-LAX do que executiva na American, pelo valor, pelo tempo, e pelo serviço. O mesmo ocorre com as rotas em que disputa com a Alaska Airlines. Com relação as demais rotas, agora que acabou a fidelidade, vai quem tem a tarifa mais em conta, seja Delta, United, AA ou demais. Confesso que tenho uma dificuldade enorme em entender o plano da atual administração da American para se atingir o slogan da cia ("Going for Great"), enquanto vários passageiros já mudaram o slogan para "Race to the Bottom". Como sempre, somente o tempo irá dizer quem tem razão, porém existe uma diferença significativa, a que eu posso estar errado, já a American..., e como diz um grande amigo meu: "Posso viver sem voar, já a American poderá não sobreviver sem voar.".



*Imagens retiradas do site da Us News, e da Delta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário