sexta-feira, 9 de setembro de 2016

Textual description of firstImageUrl

ELE ACHAVA QUE IA FICAR RICO COMPRANDO O CURSO DE MILHAS AÉREAS

Essa postagem é um pedido especial do amigo e leitor Rodrigo Chagas, que me autorizou a relatar parte do que aconteceu com ele. Desde 2012, ele já acompanhava nosso site, tirou proveito de 2 promoções muito boas, uma da TAP para a Europa por 25 mil pontos ida e volta em classe executiva, e outra de transferência em dobro para o Tudo Azul, que lhe rendeu uma viagem em classe executiva para os EUA pagante, e ainda recebeu milhas por isso. Porém, Rodrigo queria experimentar a Primeira Classe da Lufthansa, apenas por voar, o que vale muito a pena, já que o serviço é espetacular, e as experiências e memória ficam para a toda vida, todavia ele não tinha milhas suficientes, e não conseguiu achar em nenhum blog, inclusive este, como realizar esse feito com poucas milhas.

Então, ele se deparou com um vídeo no Youtube com o seguinte título: "Viaje quase de graça usando milhas aéreas". A sua curiosidade o fez clicar num vídeo, que parecia uma apresentação de autoajuda, de como o instrutor(a) sofreu dificuldades ao longo da vida, e como ficava triste e depressivo ao ver os amigos viajarem, e ele não conseguia, até um dia que o mesmo milagrosamente aprendeu como viajar "QUASE" de graça utilizando milhas, e então apresenta fotos ao redor do mundo, e como hoje a pessoa vive disso, e ainda oferece um bônus para quem adquirir um curso que ensina a vender milhas, numa música de fundo meio que estimula o sucesso. Estimulado, e acreditando que poderia viajar o mundo de Primeira Classe, e além disso ganhar dinheiro com milhas, Rodrigo comprou o curso, e gastou nesse cerca de 800 Reais, e vale ressaltar aqui, que após pesquisar no Youtube, achamos 37 vídeo cursos sobre como viajar quase de graça utilizando as milhas aéreas.



Pois bem, durante todo o curso Rodrigo aprendeu 3 coisas. A primeira foi fazer cadastro no programa Km de Vantagens, e trocar isso por pontos Multiplus. A segunda foi escrever avaliações no Trip Advisor, e a terceira, pasmem, foi seguir este Blog, e outros mais, ou seja, não aprendeu nada, pois já tinha conhecimento de praticamente tudo. Então, chateado, resolveu pedir o dinheiro de volta, que até o momento não foi devolvido, tendo sido alegado por parte do proprietário(a) do curso que o mesmo foi desenvolvido durante anos de aprendizado e que precisava daquele aporte pois o conhecimento havia sido transmitido, e que o problema era que Rodrigo não estava sabendo utilizar o mesmo, pois o conhecimento havia sido transmitido. 


Rodrigo, então, escreveu um email, que tive acesso, que achei até um pouco agressivo, reclamando e acusando o instrutor (a) de charlatanismo, explicando que a única coisa que ele havia aprendido era que com 200 mil pontos multiplus poderia fazer sua desejada viagem de Primeira Classe da Lufthansa, e que para chegar a tal valor seriam na época necessário um gasto aproximado de 5 mil reais. Mas não era quase de graça? Ora, uma passagem que custa normalmente 30 mil reais por 5 mil reais é praticamente de graça aos olhos da direção do curso, só que não. 

Mas o melhor de tudo foi a réplica do instrutor (a) do curso, que no email disse que o material era destinado para viagens nacionais, em que os alunos poderiam realizar viagens domésticas por valores aproximados a 300 Reais, quando as mesmas estão acima de 1 mil reais, e que Rodrigo deveria aplicar os ensinamentos do curso para utilizar as milhas dele como ele quisesse, sendo 200 mil pontos para a First da Lufthansa, ou 4 mil pontos para ir a Manaus. Assim como a maioria das pessoas, Rodrigo desistiu da briga, e assumiu a perda dos 800 Reais, e não ganhou milha adicional alguma, pois como bem disse os 200 mil pontos do Multiplus iriam lhe custar 5 mil reais. 

Rodrigo pediu para compartilhar essa história, pois acreditou piamente que fosse ficar milionário em pontos, ou gastar bem pouco para acumular uma alta quantia, quando na verdade a única coisa que aconteceu foi perder 800 Reais. Ele percebeu que quando assiste ao vídeo pela primeira vez é tudo mil maravilhas, onde sempre tem disponibilidade passagens por 4 mil pontos, e que o custo sai "quase" de graça, mas como ele bem observou, nunca é mencionado que essas rotas promocionais raramente cai em voos caros, que no caso valeriam a pena utilizar os pontos, ou que também existe problema de disponibilidade para viagens ao exterior, que no final das contas pode lhe custar mais caro do que a própria aquisição dos pontos.

Pegando o exemplo do Rodrigo, resolvemos fazer um teste aqui, e pegamos uma data qualquer para fazer a experiência. Decidimos viajar para Orlando para comemorar o aniversário da minha sobrinha do dia 8 a 16 de Outubro. Vamos ver quantos pontos iremos precisar. Seriam 135 mil pontos, porém no dia 17 de Outubro fica um pouco mais barato a 110 mil pontos ida e volta em classe econômica. Então vamos fazer para tentar ver o menor custo possível. Veja a imagem abaixo:




Supondo que ele seguiu as dicas do curso, ele conseguiu acumular de forma gratuita algo em torno de 10 mil pontos no Trip Advisor e mais Game Multiplus, o que lhe restará ainda 100 mil pontos. Para conseguirmos hoje 100 mil pontos Multiplus são necessários 5 transferências do lote de 4 mil Km de vantagem que dão 20 mil pontos Multiplus, e com isso ele chega ao valor para emitir sua passagem em classe econômica.  Veja a tabela do Km de Vantagem, e volto em seguida:


Com base na tabela acima, que foi retirada do site no dia de 9 de Setembro de 2016, serão necessários 598 Reais x 5 o que dá um total de 2.990 Reais que juntamente com as taxas de embarque, formará um total aproximado de 3.200 Reais. Agora vamos ver uma passagem paga para a mesma data, que com o auxílio do Google Flights achamos por 2.482 Reais com a American, e 2.885 Reais com a própria Latam já incluso as taxas de embarque como você pode ver na imagem abaixo.




Daí, sempre surge alguém e diz que existem passagens promocionais a 50 mil pontos, o que irão equivaler a 1.600 Reais, e nesse caso então vale a pena. Olha, pode até valer, mas diversas vezes existem promoções por esse valor pago que você ainda recebe mais pontos por ter pago a viagem, e fica a minha pergunta: Foi quase de graça? Espero que vocês compreendam o que estamos tentando transmitir aqui, que não existe passagem quase de graça, e não será com a fabricação de pontos que você ira ficar rico ou milionário, como alguns cursos alegam. Repito, nós achamos 37 cursos tão somente no Youtube, e isso é preocupante, porque significa que tem gente comprando informação, quando na verdade a informação está aí e livre para qualquer um acessar, basta apenas um pequeno esforço de pesquisa. Então fica aqui esse último alerta, porque já falamos sobre isso antes, e não pretendemos voltar ao assunto, pois só escrevemos a respeito a pedido de um amigo e leitor, que achou que ficaria milionário com milhas, quando na verdade só uma pessoa ganha com isso, e não é quem assiste ao curso. Boa Viagem!

*Imagens retiradas dos sites do Multiplus, Ipiranga, e Km de Vantagem.


Nenhum comentário:

Postar um comentário